Fenaban oferece 8% de reajuste salarial

Postado: 11 de Out de 2013 - 06h12

Os bancários chegam nesta sexta-feira (11/10) a 23 dias de uma greve histórica, a maior dos últimos anos, com mais de 12 mil agências paradas no país. Somente na Bahia, 842 unidades estão fechadas e a adesão ao movimento é grande. 
 
Também nesta sexta-feira (11/10), mas na madrugada, depois intensos debates, a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) apresentou uma nova proposta ao Comando Nacional, que prevê 8% de reajuste salarial (1,82% de aumento real).

O índice vale para o cálculo de todas as verbas salariais, inclusive o vale-alimentação (R$ 397,36). Os valores são retroativos a 1º de setembro, data-base da categoria, e os pagamentos e ajustes devem ser feitos na folha de novembro.

 
Com relação ao piso, o reajuste proposto é de 8,5%. Sobre a PLR (Participação nos Lucros e Resultados), a Fenaban mantém o reajuste de 10% no valor fixo e no teto da parcela adicional. Ou seja, a regra básica continua a mesma, 90% do salário mais R$ 1.694,00 (reajuste de 10%), limitado a R$ 9.011,76. 

A parte adicional ficaria 2% do lucro líquido distribuídos linearmente, limitado a R$ 3.388,00 (10% de reajuste). A primeira parcela deve sair em até 10 dias após a assinatura do acordo coletivo e a segunda até 3 de março.

A nova proposta também tem cláusulas sociais, como a prevenção de conflitos de ambiente de trabalho, com a redução do prazo de 60 para 45 dias para a resposta dos bancos às denúncias apresentadas pelos sindicatos, criação de um grupo de trabalho para analisar as causas de afastamentos e a concessão de um dia de ausência remunerada. A alteração na proposta acontece uma semana depois de o Comando Nacional rejeitar a segunda oferta. 

Outras Noticias

  • Brasil registra 3.150 ataques em 2014

    Os ataques a bancos tiram o sono dos brasileiros. Em 2014, foram registradas 3.150 ocorrências, alta de 7% em relação ao ano anterior. A média é de 8,63 casos por dia. Os...

  • Polícia Federal faz batida no Banco Safra

    Bancos brasileiros podem estar envolvidos em uma rede criminosa conhecida por fraudar a Receita Federal. Uma das organizações financeiras já divulgadas é o Safra. A Polícia Federal...

  • Asdeb completa 45 anos de muita luta

    São 45 anos de luta e muitas conquistas para os associados da Asdeb. A Associação dos Empregados da Desenbahia comemorou, nesta quinta-feira (26/03), na sede da agência, Paralela, os...

  • Eduardo Cunha quer atender empresas

    Ao contrário da classe empresarial, que defende com afinco a aprovação do projeto de lei 4330, que regulamenta a terceirização, os representantes dos trabalhadores batalham...

  • Repórter se recusa a dar nomes do HSBC

    A mídia comercial brasileira não têm e nunca teve compromisso com as verdades dos fatos. Revela apenas o que tem interesse. Uma prova clara é o comportamento do repórter Fernando...

  • Reunião na PF sobre agência de negócio

    Sem vigilantes, portas giratórias e câmeras, o risco de assalto nas agências de negócios é enorme. O novo modelo de unidades bancárias vem sendo denunciado pelo Sindicato...

  • Menos festa e mais reflexão, Salvador

    Salvador, primeira capital do Brasil, completa 466 anos no domingo. No entanto, os moradores não têm muito a comemorar. Apesar da rica história e das belezas naturais, Salvador ainda é...

  • Roupa barata é no Brechó das bancárias

    Os brechós são alternativas para reciclar o guarda-roupa e, ainda, aliviar o bolso. As peças usadas, mas em bom estado, são uma mão na roda para quem quer renovar o look sem gastar...

Enquete

O que é preciso fazer para acabar com a discriminação e violência contra as mulheres?

Resultado

Publicações Especiais

Jornal da Mulher - Fevereiro 2015
      Fale Conosco
    Avenida Sete de Setembro - 1001
    Mercês - Salvador/BA
    Tel: (71) 3329-2333
© www.bancariosbahia.org.br
Desenvolvidor pela