Sindicato garante estabilidade no BB

Postado: 29 de Setembro de 2017 - 09h53

O Sindicato e a Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe garantiram uma importante vitória contra o Banco do Brasil. Por meio de liminar, a Justiça manteve a estabilidade econômica dos funcionários com mais de 10 anos de função. Em outras palavras, garante a incorporação de gratificação.

A decisão determina a nulidade de qualquer supressão de comissão que, por ventura, tenha sido feita pelo BB no contrato de trabalho. Também inclui  tratamento de salário e os reajustes previstos na CCT (Convenção Coletiva de Trabalho) e no ACT (Acordo Coletivo de Trabalho). 

O diretor Jurídico do Sindicato dos Bancários da Bahia, Fábio Ledo, ressalta que agora é preciso ficar atento à data de pagamento do salário para comprovar se o BB vai respeitar a liminar. Caso o banco descumpra, deve pagar multa diária no valor de R$ 1.000,00 por funcionário. 

"A decisão é muito importante, pois restabelece o padrão salarial dos trabalhadores injustamente descomissionados no período da reestruturação", destaca Fábio sobre a ação civil pública. 

Importante lembrar que o Sindicato também estuda novas medidas para proteger todos os bancários das alterações advindas reforma trabalhista, que entra em vigor em 11 de novembro. 

 

Outras Noticias

Jornal

Enquete

Qual é a maior mentira do governo Temer?

Resultado

Publicações Especiais

Retrato do Adoecimento no Setor Bancário