Tropicália 50 anos

Postado: 18 de Dezembro de 2017 - 09h50

Em cartaz no Foyer do Teatro Castro Alves, até o dia 28 de dezembro, com entrada franca, a exposição Tropicália 50 anos se inspira no livro-objeto “Tropicália ou Panis et Circencis” da pesquisadora e documentarista Ana de Oliveira, baiana radicada em São Paulo, reconhecida internacionalmente como uma das maiores estudiosas do movimento tropicalista. 

Tropicália 50 Anos exibe obras criadas especialmente para o livro, com inspiração no disco que lhe deu nome. A mostra reverencia, atualiza e expande o alcance do disco-manifesto tropicalista, com criações de Gringo Cardia, Lenora de Barros, André Vallias, Guto Lacaz, Aguilar, Ernane Cortat, Ailton Krenak, coletivo artístico Assume Vivid Astro Focus, entre outros, que fizeram interpretações visuais de cada uma das 12 faixas do álbum, resultando em um variado painel que mantém vivo o espírito do Tropicalismo.

Outras Noticias

Jornal

Enquete

Qual é a maior mentira do governo Temer?

Resultado

Publicações Especiais

Retrato do Adoecimento no Setor Bancário