Notícia

[Em 2021, desemprego deve aumentar mais entre negros ]

Em 2021, desemprego deve aumentar mais entre negros 

Postado dia: 20/11/2020 - 14:18

Os efeitos da pandemia de Covid-19 são mais cruéis para os negros. Em 2021, a situação vai piorar, por conta das mudanças no campo educacional também sofreu mudanças e que terão ainda mais efeitos no mercado de trabalho. Com isso, o desemprego entre pretos e pardos deve ser intensificado.  


Segundo a FGV (Fundação Getúlio Vargas), o avanço do desemprego entre a população negra foi atenuado pelo programa do governo Bolsonaro, que permitiu a suspensão do contrato de trabalho e redução de jornada e salário. Mas, com o fim da medida, no dia 31 de dezembro, as empresas vão aumentar o número de demissões, prejudicando assim o grupo de pessoas mais afetados pelo benefício. 


O racismo estrutural no mercado de trabalho ficou ainda mais evidente com a crise sanitária. O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) mostrou que, nos três primeiros meses da pandemia, a taxa de desemprego entre os negros aumentou em 2,6% e a dos pardos 1,4%. Enquanto entre os brancos, a alta foi somente 0,6%.