Notícia

[Pressão por vacina para trabalhadores das agências]

Pressão por vacina para trabalhadores das agências

Postado dia: 01/04/2021 - 12:22

Em uma manobra do governo Bolsonaro, os destaques do projeto, que amplia os grupos de prioridade e solicita a inclusão dos trabalhadores das unidades bancárias no PNI (Plano Nacional de Imunização) para a Covid-19, não foram votados nesta quarta-feira (31/03), na Câmara Federal. 


A pressão do movimento sindical por vacinas para bancários, vigilantes e trabalhadores das agências vai continuar. O presidente do Sindicato da Bahia, Augusto Vasconcelos, tem entrado em contato com diversos parlamentares. Na manhã desta quinta-feira (01/04), conversou com o deputado federal, Daniel Almeida (PCdoB-BA), um grande aliado na luta da categoria.


Vale destacar que os bancários não foram incluídos na votação desta quarta-feira (31/03), mas o texto base do projeto foi aprovado. Na terça-feira (06/04), os destaques devem ser votados. O Sindicato dos Bancários da Bahia e a Federação da Bahia e Sergipe enviaram ofícios cobrando a inclusão dos empregados dos bancos n PNI ao secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas Boas.


“É inadmissível que a categoria que atende milhões de brasileiros e que, inclusive, paga os benefícios sociais para garantir que as pessoas não passem fome estejam expostos. Bancários, vigilantes e trabalhadores da limpeza. Todos que atuam nas agências estão expostos. Temos vários casos de contaminação e de óbitos”, reforçou o presidente do Sindicato dos Bancárias da Bahia, Augusto Vasconcelos, ao ressaltar a importância de pressionar vereadores, deputados estaduais e prefeitos.