Notícia

[Manifestações, dia 19, pela vida e pelo Brasil]

Manifestações, dia 19, pela vida e pelo Brasil

Postado dia: 10/06/2021 - 17:24

O único caminho para barrar a necropolítica adotada pelo governo federal, para seguir os interesses de Jair Bolsonaro, é ocupando as ruas, assim como os brasileiros fizeram na campanha pelas Diretas Já. Por isso, os movimentos sociais e sindical convocam novas manifestações de rua, para o próximo dia 19.


A ideia é fazer o país parar. Mobilizar toda a sociedade civil, afinal o projeto de Bolsonaro é genocida. Ele nunca escondeu e a história se encarrega de lembrar. Em discurso como deputado federal, em 2010, disse, ao defender um PL que estimulava a esterilização das pessoas, que uma das causas da fome, e da violência era o crescimento populacional exagerado. "(...) Não tem mais lugar para deitar na praia. É gente demais! Temos que colocar um ponto final nisso".


Ironicamente, 10 anos depois, como presidente da República, achou, na pandemia do coronavírus, a oportunidade de executar o plano. Recentemente, o The New York Times, maior jornal dos EUA, denunciou que Bolsonaro previa 1,4 milhão de mortes por Covid-19 no Brasil. Com o ritmo lento da vacinação, é bem capaz de o país alcançar a meta.


No Brasil, mais de 17 milhões de pessoas foram contaminadas e o número de mortes vai ultrapassar os 500 mil em breve. Para piorar, o fim da pandemia parece muito distante. Apenas 23,3 milhões de brasileiros completaram o esquema vacinal, número que corresponde a 11,1% da população. 


Além da grave crise sanitária, tem ainda as questões econômicas. A inflação ultrapassou 8% em 12 meses, quase 15 milhões estão desempregados, mais de 20 milhões passam fome e ainda há uma ameaça clara à democracia. O cenário é insuportável. A nação está no limite. Só resta ocupar as ruas pelo Fora Bolsonaro enquanto é tempo.