Notícia

[Mais 25 milhões pessoas podem perder o emprego]

Mais 25 milhões pessoas podem perder o emprego

Postado dia: 23/03/2020 - 13:43

Se nada for feito o mais rápido possível, os prejuízos da pandemia do coronavírus podem ser incalculáveis. O número de desempregados no mundo pode aumentar em quase 25 milhões, sendo que os mais afetados pela crise econômica e trabalhista provocada pela doença devem ser os jovens, trabalhadores mais velhos, mulheres e migrantes.


Avaliação da OIT (Organização Internacional do Trabalho) ainda mostra que o impacto no desemprego global pode ser menor com uma resposta política coordenada internacionalmente. Dá como exemplo a crise financeira de 2008-2009, quando 22 milhões ficaram sem emprego.


Intitulada “Covid-19 e o mundo do trabalho: Impactos e respostas”, a publicação defende ampliação da proteção social, o apoio à manutenção de empregos (trabalho com jornada reduzida, licença remunerada e outros subsídios) e aos benefícios fiscais e financeiros.


Os impactos do coronavírus podem acarretar no aumento no desemprego global entre 5,3 milhões (cenário “baixo”) e 24,7 milhões (cenário “alto”) a partir de um nível base de 188 milhões em 2019. A OIT propõe medidas de política fiscal e monetária, empréstimos e apoio financeiro a setores econômicos específicos.


Sem emprego, há queda significativa da renda dos trabalhadores. No fim deste ano, as perdas devem ficar entre US$ 860 bilhões e US$ 3,4 trilhões, acarretando na diminuição do consumo de bens e de serviços.