Notícia

[Com muito atraso, setor cultural terá auxílio financeiro ]

Com muito atraso, setor cultural terá auxílio financeiro 

Postado dia: 30/06/2020 - 17:24

Uma luta desde o início da pandemia do coronavírus era para que os trabalhadores de cultura também fossem incluídos na lista de profissionais com direito ao auxílio emergencial. Após três meses de desamparo por parte do governo, foi sancionada a Lei Aldir Blanc, que destina R$ 3 bilhões aos profissionais do setor.


As pequenas e microempresas culturais, assim como os trabalhadores informais e organizações, receberão três parcelas de R$ 600,00. O único ponto vetado pelo governo federal foi o prazo de 15 dias para que os recursos começassem a ser distribuídos. A alegação foi de que o cumprimento era inviável. 


A aprovação do projeto foi considerada uma grande vitória dos movimentos sociais dos trabalhadores da cultura. Mesmo com a fala desastrosa do novo secretário de Cultura do governo, o ator Mário Frias, que chamou o auxílio de esmola, mostrando total desconhecimento sobre os trabalhadores do setor, que necessitam do recurso, diante da paralisação das atividades culturais no país.