Um começo

Embora possa ser punido agora - que os deuses da Justiça digam amém - por usar

Postado: 31/07/2020 - 10:20

Embora possa ser punido agora - que os deuses da Justiça digam amém - por usar dinheiro da Petrobrás para fins políticos, Dallagnol passou incólume no CNMP diante do escândalo das relações promíscuas com Moro. Acusador e julgador em um só corpo. Pelos crimes cometidos, a punição é branda, mas já aponta mudança de postura no MPF.