Home
>
Saques

COLUNA SAQUE

DADOS OBJETIVOS
São constantes e concretos os indicadores de que a democracia social, em apenas um ano, já conseguiu reduzir, e muito, a pobreza no Brasil. Dois dados recentes são animadores: mais de 13 milhões de pessoas passaram a fazer três refeições por dia e o expressivo crescimento de 11,7% na participação dos salários no PIB. Os fatos desmoralizam as fake news.

 

SÉRIO DESAFIO
No Brasil, onde o fascinazismo tem sólida aliança com a ultradireita neopentecostal na busca por um regime com infraestrutura ultraliberal e a superestrutura de orientação teocrática, com a religião pautando toda a vida pública e privada, o Estado democrático de direito, republicano, laico, corre sério risco. As forças progressistas enfrentam um grande e perigoso desafio.

 

SÃO PRIORIDADES
Sem projeto, discurso, com o principal líder - Bolsonaro - encalacrado em graves crimes, prestes a ser preso, e diante do êxito da democracia social, a extrema direita intensifica a guerra cultural para confundir a sociedade, tentar criar tensão política e institucional. Assim, é importante fortalecer o STF, colocar povo na rua e cobrar responsabilidade da direita dita liberal.

 

SERVE, SIM
O presidente do PCO, Rui Costa Pimenta, tem razão quando diz que o crescimento da extrema direita é consequência do “colapso neoliberal”, mas se engana ao afirmar que a prisão de Bolsonaro não encerra o fascinazismo. Acabar de vez, evidentemente que não, mas a defesa da democracia hoje requer a aplicação rigorosa da lei. Serve para dar bom exemplo à sociedade.

 

MÍDIA COMPARSA
A declaração do ex-primeiro-ministro de Portugal, José Sócrates, de que "lawfare não existe sem a participação do jornalismo, dos editores amigos", toca em uma questão crucial, que hoje tem minado a democracia no mundo todo. Também expõe o papel sujo, sem nenhum compromisso republicano, desempenhado pela mídia comercial, em nível global. Desinforma, deforma.

Relacionadas