COLUNA SAQUE

Postado: 10/01/2022 - 11:54

NECESSÁRIO
A rigor, o ex-governador paranaense Roberto Requião tem razão quando afirma que estão transformando Lula na 3ª via. Mas, diante da hegemonia do neofascismo negacionista no Executivo, Legislativo e parte do Judiciário, é fundamental um amplo arco de aliança entre setores progressistas e frações da direita para garantir a governabilidade e a governança.

 

TRIBULAÇÃO
É muito importante ter consciência de que o ultraliberalismo neofascista, de orientação negacionista, é um movimento de extrema direita poderoso, de alcance internacional, que não se encerra com a derrota de Bolsonaro. Portanto, se faz imprescindível um esforço nacional suprapartidário para banir esse mal que tanto tem infernizado o Brasil.

 

MALIGNOS
Aliança do mal. É como pode ser chamada a tentativa de composição entre os presidenciáveis Sérgio Moro e João Dória. Os dois odeiam povo e não gostam de pobre. O ex-juiz, considerado parcial pelo STF, foi responsável pela extinção de mais de 4 milhões de empregos, enquanto o governador paulista ficou conhecido por perseguir e maltratar moradores de rua.

 

NEGLIGÊNCIA
Muitas queixas, apreensões e até medo pela negligência dos bancos, que insistem em não exigir passaporte vacinal para acesso nas agências, colocando em risco funcionários e clientes. A pandemia recrudesce, o nível de contaminação cresce em ritmo assustador e todo cuidado é pouco. Vacina não falta e salva vida. Só não se vacina quem é negacionista.

 

USURA
A situação da pandemia é grave. Por isso mesmo o governador Rui Costa e o prefeito de Salvador, Bruno Reis, têm a obrigação de proibir o Carnaval que figurões do axé e do pagode na Bahia querem realizar em espaços fechados, para enriquecerem ainda mais, à custa da contaminação e do sofrimento do povo.