Home
>
Saques

COLUNA SAQUE

ESTÁ PROVADO
Perante fartas provas materiais, só mesmo por tolice ou descaramento para negar que Bolsonaro e aliados tramaram, organizaram e puseram em execução plano para golpe de Estado. Só não obtiveram êxito por uma conjunção de fatores internos e externos. Pela lei, crime grave, queiram ou não as elites ultraconservadoras. A Justiça é um dos pilares da democracia.

 

MAIOR SUJEIRA
A despreocupação em deixar rastros evidentes de tantos crimes graves, ao ponto de a PF reunir, em pouco tempo, provas robustas, revela a certeza de Bolsonaro na reeleição e na impunidade. Imaginou que, por servir à agenda ultraliberal, sairia ileso. Esqueceu que os poderosos, quando o escândalo estoura, costumam abandonar os que lhe prestaram sujos serviços.

 

CHEGA RÁPIDO
“Se tratando das investigações gerais, raramente a gente teve avanços tão significativos. Saímos de especulações para provas. Os dados que a PF conseguiu obter são de fato convincentes de que algo muito ruim estava em marcha”. A análise do ministro Gilmar Mendes sobre as apurações das tentativas golpistas mostra o quanto Bolsonaro está próximo da cadeia.

 

EFEITO ADVERSO
Sem dúvida, Bolsonaro está em sérios apuros. Só o indiciamento, pela PF, por falsificação na carteira de vacinação, pode custar 15 anos de prisão para o líder político da extrema direita. O STF deu 15 dias para a PGR se posicionar e a tendência é a Procuradoria Geral da República abrir denúncia contra o ex-presidente. Efeito adverso da vacina que ele tanto demonizou.

 

SEMPRE GOLPISTA
O espírito elitista e antidemocrático de Arthur Lira (PP-AL) fica mais uma vez evidenciado com a pretensão de reduzir a relação de pessoas físicas e jurídicas aptas a propor ADI (Ação Direta de Inconstitucionalidade). Em vez de tolher a sociedade, o povo, ele deveria era procurar ajustar as matérias aos preceitos constitucionais. Este é o deputado que preside a Câmara Federal.

Relacionadas